www.nutricaointeligentesuplementos.com

(34) 3219-0180
<< Página anterior

Guia definitivo sobre a glutamina

Guia definitivo sobre a glutamina

julho 28, 2015 by Dicas No Comments

Guia definitivo sobre a glutamina

A glutamina é um aminoácido não essencial, além de ser o mais produtivo no plasma e no tecido muscular.  Em sua classificação este aminoácido pode ser sintetizado pelo organismo.

Essa proteína é uma das mais abundantes do corpo, pois ela possui diversas funções importantes, como fonte de energia para o sistema imune, além de ter participação no crescimento muscular por meio do estímulo da síntese de proteínas.

Já o suplemento de glutamina é ideal para os praticantes de atividades físicas, assim como portadores de HIV ou os pacientes com câncer.

Benefícios da glutamina

Atividade física

Para os atletas que mantém um programa de atividades intensas e prolongadas, com o consumo destas proteínas o esportista garante uma recuperação, além de evitar a fadiga, já que exercícios de alta intensidade ou de longa duração pode garantir o estresse no organismo.

Para o uso nestes casos, o organismo de um atleta tem a sua concentração plasmática de glutamina reduzida, portanto, é preciso fazer uma reposição, por isto com o consumo da glutamina é possível melhorar a recuperação após o treino, além de evitar desgaste e melhorar a resistência da célula e das lesões.

Pacientes com câncer

Quem sofre de câncer possui um organismo debilitado, devido à doença ou até mesmo pelo tratamento com quimioterapia ou dos efeitos colaterais das medicações.

Nestes casos existe a redução dos níveis da glutamina plasmática por isto é preciso fazer a reposição deste aminoácido, portanto, conforme estudos é possível que a glutamina possa reduzir danos em consequência da quimioterapia.

Portadores do HIV

Os portadores do vírus HIV apresentam uma depleção grave no sistema imunossupressor, o que garante que fiquem suscetíveis a infeções e outros vírus, por isto com a suplementação de glutamina é possível amenizar estes problemas causados pelo vírus.

Ganho muscular

Com a glutamina é possível garantir o funcionamento do organismo, já que ela possui um papel na síntese de proteínas nos músculos, desta maneira ela também pode contribuir para o aumento da força e resistência e diminuir o tempo de recuperação.

Outras funções da Glutamina

A glutamina também pode:

  • Tirar o acúmulo de amônia e nitrogênio do corpo;
  • Fazer a preservação do sistema inume;
  • Equilibrar a síntese e os gastos das proteínas;
  • Monitorar o catabolismo e anabolismo;

Consumo – Quem pode consumir

A suplementação da glutamina é indicada para quem sofre de estresse intenso ou depleção do sistema imunossupressor.

Diante disso, estes problemas ocorrem nas pessoas que sofram de déficit de glutamina no organismo, logo é comum em indivíduos que praticam exercícios acentuados ocasionando o overtraining (exercícios em excesso). Além disso, é indicado para casos de doenças infecciosas ou inflamatórias. Em todo caso o seu consumo deve indicado por um nutricionista ou médico.

Como consumir

O recomendado é consumir a glutamina em pó, conforme indicação de nutricionistas e médicos especializados.

Para os atletas, ela deve ser ingerida no pós-treino e antes de dormir. Uma dica é combinar com frutas e mel, pois estes alimentos potencializam o suplemento.

Quantidade

Um médico ou nutricionista pode indicar a quantidade correta para cada organismo, porém, a dose mínima é de 10 a 15 gramas por dia, dividida em três doses.

Precauções

Antes de ingerir procure sempre verificar no rótulo do produto as legislações higiênicas e sanitárias estipuladas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária e se o mesmo possui registro neste órgão.

Para consumo é preciso manter um alimentação balanceada, pois nenhum nutriente consegue suprir as necessidades nutricionais, além disso, o organismo precisa estar saudável para garantir os resultados. Já para os casos de consumo em excesso é possível ocasionar algum dano renal.

<< Página anterior

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>